Projeto Solaris

Projeto Solaris

Projeto

Projeto Solaris – Engenharia aplicada a soluções energéticas sustentáveis que geram impacto social escalável em comunidades e escolas de baixa renda

Responsável

Prof. John Kleba (IEFH-ITA/C-Lab)

Equipe

 Aluno líder responsável pelo projeto: Jasson Fernandez Gurgel/Responsabilidade organizacional e de prestação de contas: Presidente Enactus-ITA: Matheus Santoro Pitanga

Área

Humanidades

Investimento Aprovado

R$ 40.891,20

Prazo

1º e 2º Semestre

Número de Alunos Impactados

 7

Objetivo

Através de aquecedores solares (de água) e painéis fotovoltaicos os objetivos são: (1) reduzir sensivelmente o gasto de comunidades carentes com energia elétrica ou gás e (2) gerar independência e apropriação tecnológica para a comunidade, blindando-a de eventuais crises energéticas no país e aumentos repentinos no preço da eletricidade. (O Projeto Solaris faz parte das iniciativas da Enactus-ITA e C-Lab-ITA e conta com o suporte do Sítio do Astronauta e Instituto Alpha Lumen.)

Descrição

A partir da qualificação adquirida com o processo de confecção, os moradores são estimulados a se tornarem os próprios técnicos responsáveis pela manutenção dos aparelhos. Nessa acepção, objetiva-se que membros da comunidade-alvo assumam o papel de disseminadores das tecnologias em questão para demais comunidades, gerando por sua vez um novo ciclo. Trata-se de um desafio duplo: de como ensinar a fazer – num processo de co-criação com os locais – e de como se dá o processo de aprendizagem. Além da construção do sistema e da capacitação dos moradores locais, o projeto inclui ainda um terceiro desafio: a metodologia de aprendizado para alunos na fase escolar. Para tanto, conta-se com a parceria do Sítio do Astronauta e do Instituto Alpha Lumen (IAL). Uma vez capacitados, os alunos irão junto ao time construir um sistema para alimentar a sua escola, um sistema a ser utilizado no escritório da Enactus ITA localizado no H8 e na comunidade Beira Rio. Além disso, haverá capacitação de alunos de escolas públicas e dos moradores da Beira Rio na tecnologia, criando um sistema de disseminação da tecnologia em parceria com o IAL e com o Sítio do Astronauta.

Benefícios

 Engajar os estudantes do ITA a se envolverem em pesquisa e desenvolvimentos de inovações que resolvam problemas atuais no que se refere a otimização de sistemas fotovoltaicos. Para tanto, serão propostos inicialmente três desafios, podendo ser aproveitados nas disciplinas de FIS, MTP, Projetos Sociais e nas demais disciplinas que envolvem projetos: (1) Novos materiais para células fotovoltaicas, (2) Rastreador do sol, (3) Controlador de Carga MPPT (Considera toda a energia do painel).